Frete GRÁTIS acima de R$399,00 para Sul, Sudeste, DF | 6x Sem juros | Brinde na 1ªCompra | Entrega Brasil e Exterior*| Compre pelo Whatsapp +55 51 98110-0914

O circo e a magia que nunca morre.

A magia do circo para decorar, presentear e inspirar as crianças para serem mais alegres e felizes!

"Hoje tem marmelada? Tem sim senhor!
Hoje tem goiabada? Tem sim senhor!
E o palhaço, o que é?"

O que significa o tema circo?
Você já se perguntou porque muitos pais decidem decorar ambientes ou presentear crianças com objetos com o tema Circo?
O motivo é singelo e bonito e de fortes referências afetivas.
A tradição origina-se na crença e no desejo de que o tema 'circo' representa a magia e diversão e traz muita alegria, curiosidade, interesse e inspiração para a vida da criança!
E quem já foi a um Circo sabe, é incrível mesmo.

Encantando a todos com suas cores e luzes, o circo ainda é uma cultura que tem muita força no Brasil e no mundo. Afinal de contas, é impossível não ver os olhos de adultos e crianças brilhando diante de um espetáculo tão magnífico. É muito difícil encontrar alguém que não se encante com aquelas figuras tão diferentes e habilidosas que o circo nos traz.

Mas você sabe quando o circo surgiu?

Não se sabe exatamente quando e onde ele surgiu, mas existem registros de artes circenses que datam de cerca de 4 mil anos atrás! Porém, o circo do jeito que conhecemos começou a se desenvolver na Roma Antiga com o Circus Maximus. Ele foi construído por volta do século IV a.C. e tinha uma capacidade para 150 mil pessoas. Lá, aconteciam lutas de gladiadores, números com animais ferozes e corridas de carruagem, mas também apresentações de pessoas com talentos especiais. Infelizmente houve um incêndio no local que foi o seu fim, de modo que acabou sendo substituído pelo Coliseu anos mais tarde.
Com a popularização desse tipo de arte, na Idade Média existiam vários grupos de artistas que viajavam de cidade em cidade apresentando números com acrobacias, malabarismos, danças e teatro em espaços de rua. Foi só em 1768 que o inglês Philip Astley criou o tipo de estrutura que se usa até hoje, que consiste num picadeiro circular em que acontece um show de variedades, com animais, números de comédia, acrobacia e malabarismos.

O circo no Brasil

Por aqui, o circo chegou no século XIX, quando famílias de circenses e ciganos começaram a vir para o país. Os espetáculos passaram a se adaptar aos gostos do público de cada lugar, ficando com a cara irreverente e mágica que conhecemos hoje. Haviam vários números com domadores de animais, trapezistas e malabaristas, mas a atração principal era o palhaço. Se o palhaço europeu era calado e se utilizava principalmente da mímica como forma de comunicação, o palhaço brasileiro era falante, contava piadas e tinha um humor mais despojado. Ele era a alma do circo. 
Em uma época sem rádio, televisão ou internet, o entretenimento era de muito difícil acesso. Por isso, o circo se tornou uma representação de festa e diversão em todos os lugares, mais especialmente nas cidades do interior do país. Atualmente, muitas coisas mudaram: as estruturas se modernizaram, mudaram os modos de construir o espetáculo. Mas uma coisa jamais vai mudar, e é o encanto que o circo desperta em todos, afinal, como diz  Alberto Orfei "Enquanto houver uma criança no mundo, o circo viverá!".

A decoração para quartos e ambientes infantis traz esta magia contagiante, como uma homenagem para esta expressão artística incrível e cheia de história.

    

Para enriquecer a decoração a linha Circo é a opção perfeita. Com peças que aliam estilo e versatilidade, ela traz aquele gostinho nostálgico do circo antigo com muita cor e delicadeza. Acesse www.patriciamaranhao.com e confira!

        

Referências:

https://www.todamateria.com.br/circo/ - Acesso em 08/10/2021

https://www.historiadomundo.com.br/curiosidades/historia-do-circo.htm - Acesso em 08/10/2021

https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/tecap/article/viewFile/10261/8047 - Acesso em 08/10/2021

 

Deixe um comentário